Editorial

Tentação à carne

Gustavo Cesar Oliveira
195 - 21/04/2017

Depois da operação Carne Fraca abalar o setor do agronegócio no país, o Brasil segue o seu rumo em meio a trovoadas, raios e muito vendaval. Graças a Deus, mesmo com muitas perdas, a consequência acabou se esfarelando nos dias seguintes. Como não havia verdade no que diz respeito a problemas de criação ou produção da nossa carne em série, os brasileiros, mais ou menos receosos, continuaram a comer o que produzimos.

Assim como o restante do mundo, que viu mais pavor do que realidade. Em menos de 15 dias, todos os principais produtores seguiram exportando. Partes efetivamente podres foram eliminadas. No final da história, teremos que ter mais cuidados e qualidade no que fazemos. Ganham todos.

Para completar a baderna, no período final da última novela da Globo, em que o ator José Mayer era estrela central, o mesmo acabou encenando uma novela feia na vida real. Foi acusado por uma de suas companheiras de trabalho por assédio sexual. Galã cheio de fama foi deitar a moral na lama. No final, soube sair dessa escrevendo uma carta pública de desculpas e bem correta. Ao relatar os tempos passados onde a mulher não tinha o direito devido e vivia à margem, provocou o presente e lembrou de um passado que resiste nas cenas atuais.

Outros casos apareceram na sequência, com circunstâncias similares ou não. O mesmo sentido de abuso, maus-tratos, estupro, pode ser dado aos políticos e às práticas relacionadas
à atual vida pública brasileira. Sem dó, a Câmara dos Deputados e o Senado do Brasil representam exatamente isso: estupradores da esperança, matam a vontade do brasileiro. Decepam cada gota de expectativa de um país melhor. Mais que tudo, abusam do mínimo bom senso.

Chega a ser sacanagem não ter um doido pra falar a verdade. Lula, Aécio, Dilma, FHC, Sarney, Cunha, Renan, Jucá, Ciro Nogueira, são tantos “líderes” que fica difícil escolher qual o melhor. O único que, de fato, tem postura, história, é reconhecido por todos como um dos campeões, ficou de fora da Laja Jato. Deixaram de lado o Maluf! Preconceito? O que você acha?




Comentários