Coluna

Semi&Novos

William Bonjardim
195 - 21/04/2017

Dodge/divulgação

Demônio sobre rodas

Depois de muito provocar com vários teasers, finalmente a Dodge apresentou, no Salão de Nova York, a versão extrema de seu muscle car que retoma um nome usado na época do saudoso Dart: Demon (Demônio). O resultado faz jus à alcunha, já que o Challenger SRT Demon, que será produzido em edição limitada, conta com o V8 Hemi 6.2 equipado com um compressor e capaz de fornecer 840 cavalos, além de ter perdido peso e contar com pneus específicos para as pistas de arrancada. Embora homologado para andar nas ruas, é mesmo contra o cronômetro que o bruto deve fazer mais sucesso – há inclusive entre os opcionais um kit para adaptá-lo às retas de dragster e autódromos, acompanhado de um jogo de ferramentas personalizadas.

GP Gerais de volta

Sucesso na temporada passada, que marcou a inauguração do primeiro autódromo internacional homologado de Minas (o Circuito dos Cristais), o GP Gerais/Mineiro de Motovelocidade está de volta, com quatro etapas este ano, a primeira delas em 7 de maio. A novidade é a estreia da categoria Supersport300cc, para modelos de cilindrada média, ideal para quem começa no esporte.Além disso, foi mantida a categoria Touring, para quem prefere apenas acelerar em segurança no traçado de 4.420 metros e testar os próprios limites.

Imprensa/HondaHonda reforça aposta nos scooters

Práticas, seguras e econômicas, as motonetas se tornaram febre também no Brasil. A Honda apresentou mais uma opção de scooter que, na teoria, poderia roubar mercado do PCX150, líder em vendas no segmento, mas aposta numa pegada diferente, com rodas maiores (aro 16), mais potência e torque (1,6cv e 0,4kgfm, respectivamente). O SH150i é “irmão menor” do SH300i e chega às revendedoras da marca japonesa a partir dos 12,4 mil reais.

Dica da quinzena

Andar no ponto morto ainda é sinônimo de economia de combustível? E esquentar o motor cada vez que se liga o veículo, serve de alguma coisa? Um vídeo do canal Seminovos BH Notícias (goo.gl/zAkwgP) esclarece alguns mitos e verdades que envolvem a conservação de seu possante, o que é história da carochinha e o que vale de verdade. Confira.

 

 

* Com Rodrigo Gini




Comentários