Capa

Influência à mineira

O que youtubers, influenciadores digitais, blogueiros, snapers, viners, tuiteiros têm em comum? O esforço para produzir conteúdo para web e gerar engajamento, transformando em negócio aparições que, muitas vezes, começaram de forma despretensiosa
lucas rocha
202 - 11/10/2017

Eles revolucionaram a comunicação e a internet de uma forma nunca imaginada, e, que, até hoje muita gente luta para entender como tudo isso aconteceu. Os títulos sãos vários: youtubers, influenciadores digitais, blogueiros, snapers, viners, tuiteiros e por aí vai. O que todos eles têm em comum? Um gigante esforço diário para produzir conteúdos para a web sobre os mais diversos segmentos promovendo o engajamento, informação, e, claro, o entretenimento de seus seguidores. A proporção que o trabalho dessas pessoas atingiu gera diversos empregos diretos e indiretos e movimenta verdadeiras fortunas para o mercado dos negócios. Em Minas Gerais, um time de peso vem consolidando seus trabalhos e alçando voos cada vez mais altos, sendo resultado de algo que, na sua grande maioria, começou de forma despretensiosa.

Lu Ferreira
chatadegalocha.com

Quando começou em 2007, o Chata de Galocha dividia experiências gastronômicas. De lá para cá, moda, beleza, viagens, decoração, gravidez, casamento e tantos outros assuntos agregaram à marca de Lu Ferreira um status que a consolidou como uma das principais blogueiras do país. Grande parte deste trabalho bem-sucedido está vinculado à forma verdadeira e honesta com a qual a mineira sempre dividiu os momentos da sua vida. Conquistou um número crescente de seguidoras fiéis que acompanham seus vídeos, leem seu primeiro livro publicado em comemoração aos dez anos do blog e consomem os produtos de suas parcerias com diversas marcas. “Na era das redes dividir sua intimidade é algo natural até para alguém que não trabalha com isso. A minha preocupação é sempre compartilhar algo que tenha um motivo por trás que eu sei que vai ajudar muitas pessoas, por exemplo, quando eu dividi minhas experiências na gravidez”, relembra. Com uma equipe cada vez mais robusta, Lu já pensa em um segundo livro, inauguração do seu estúdio próprio e, no futuro, fortalecer os produtos vinculados à marca fora do meio on-line.

Bella Falconi
bellafalconi.com

A mudança no estilo de vida da ex-bancária Bella Falconi pensando em sua saúde e alimentação, mudou sua forma de viver em todos os sentidos. Com mais de 3 milhões de seguidores no Instagram, a mineira abriu as portas para a geração fitness e deu a cara a tapa ao ser a primeira a postar fotos do corpo mais musculoso, sua alimentação e vida pessoal. Sabendo da proporção do seu trabalho, que começou de forma orgânica e sem intenção, Falconi fez a graduação em nutrição, faz atualmente o mestrado e já sonha com o PhD. “Eu tenho que ter uma preocupação enorme com tudo que falo e posto, precisa ser tudo muito embasado. Além da minha plataforma on-line de coaching, penso em dar continuidade às minhas palestras e me dedicar cada vez mais em mudar a vida das pessoas positivamente e fazendo esse trabalho de aproximar a ciência e pesquisa, que são coisas que eu amo, à vida real”, diz ela.

Marco Tulio
canalauthenticgames.com.br

Era 2011 quando Marco Tulio começou a fazer vídeos que, na época, ele considerava mais uma brincadeira do que qualquer outra coisa. Ele é o nome por trás do Authentic Games, canal do YouTube que aborda o mundo dos jogos eletrônicos, mas principalmente sobre um dos mais famosos, o Minecraft. Seu trabalho já reúne mais de 10 milhões de seguidores, isso sem falar nos quatro livros publicados e o espetáculo que percorre o país reunindo milhares de fãs. Em BH, ele ainda inaugurou a Happy Code, escola de tecnologia e inovação, voltada para crianças e adolescentes, no Buritis. “Ainda é difícil acreditar nisso tudo. Tento retribuir tudo que tenho conquistado fazendo projetos sociais e penso que quero continuar trabalhando com isso e me reinventando sempre”, afirma.

Lucas Rangel
youtube.com/user/rangeldovine

Fruto do extinto aplicativo Vine, onde fazia vídeos bem-humorados de oito segundos, Lucas Rangel foi um dos primeiros nomes a se destacar no mundo on-line produzindo conteúdo para diferentes plataformas e integrar o time de digital influencers ao compartilhar suas experiências com seus mais de 4 milhões de seguidores. E isso só no Instagram. “Esse é o novo meio de fazer entretenimento! Além disso, a internet criou o on demand, você vê a hora que quiser e onde quiser”, conta. Ele já se aventurou no teatro com espetáculo próprio e adianta que vêm muitos trabalhos por aí. “Temos um reality show que em breve estará na internet. Algo grande que estamos construindo com o próprio YouTube! Estou ansioso”, confidencia.

Danielle Dias
instagram.com/daniellediz

Mais conhecida como Dani Diz, a mineira começou a despontar na internet ao participar da peça e dos vídeos do amigo Lucas Rangel até alçar voo solo e conquistar mais de um milhão de seguidores, tanto no Instagram quanto no YouTube. Humor também é o forte da garota que se conecta com os seguidores, em sua maioria crianças e pré-adolescentes, pela forma divertida como dialoga nos vídeos. “Por causa desse perfil de público, é preciso ter uma responsabilidade enorme já que tenho que pensar sempre em um conteúdo que seja limpo até mesmo para influenciar positivamente cada um deles”, explica. Dani cursa a faculdade de publicidade, carreira em que pretende atuar no futuro e aliada ao que faz hoje em dia.

Juju Norremose
instagram.com/jujunorremose

Já faz mais de dez anos que o estilo de vida saudável faz parte da rotina da mineira Julia Norremose ou apenas Juju. Com mais de 500 mil seguidores, ela compartilha em suas redes, e agora também no canal do YouTube, uma série de dicas sobre alimentação, beleza, treinos, além de dividir um pouco da sua vida pessoal. “Quando comecei a dar as dicas no Instagram era só algo que eu gostava muito de fazer e meio que um escape já que não estava feliz com a minha profissão de advogada”, relembra. Nos projetos atuais, o Juju fada-madrinha deve movimentar suas redes nos próximos meses. Nele, Juju escolhe uma seguidora para ganhar por três meses os tratamentos estéticos e acompanhamentos médicos e físicos dos melhores profissionais que cuidam do seu dia a dia.

Lê Turano
leturano.com.br

Natural de Montes Claros, Letícia Turano comprovou que para a internet não existem fronteiras quando se quer correr atrás dos seus objetivos. Com conta no Instagram há cinco anos, ela aliou o trabalho em redes sociais que já fazia em sua agência de publicidade com clientes de moda e um local onde pudesse compartilhar dicas de estilo e lifestyle. Mas Lê foi além e depois de quase ter perdido um filho, vem se dedicando a causas sociais, principalmente com foco nas crianças. “Descobri que a solidariedade me deu um sentido novo para a vida”, explica. “O número de seguidores é importante, mas não é completamente determinante para saber se a pessoa influencia mais que a outra”, destaca.

Ser Digital Influencers
serdigital.blog.br

Lívia Giovanardi, Débora Nogueira, Joana Costa e Cecilia Kraemer são os nomes por trás da empresa Ser Digital Influencers. Criada por Luciana Mamede, que já passou pela supervisão da Arezzo, a iniciativa busca ser uma espécie de coletivo de influenciadoras que potencializa a imagem comercial de cada uma para fechar parcerias e serviços. “É muito prático porque ela encabeça todos os contratos e preserva a nossa imagem”, explica Cecilia. As meninas que costumam fechar parcerias em sua grande maioria com lojas de atacado e ter reconhecimento na capital mineira, vislumbram sonhos ambiciosos: “Estamos nos organizado e tentando buscar parcerias com lojas do varejo e marcas nacionais, até mesmo para se aproximar do que os nossos seguidores consomem”, revela.




Comentários