Especial Nova Lima

A arte da boa mesa

Crescente número de bares e restaurantes movimenta circuito gastronômico
Lucas Rocha
206 - 05/02/2018

Entre paisagens paradisíacas e construções luxuosas, Nova Lima guarda diversos tesouros que vêm sendo descobertos e apreciados por moradores da região e de outros locais. Um dos principais e mais elogiados, a gastronomia ganha destaque e conquista com sabores diversos.

Pedro VilelaAkemi
Inaugurado há menos de dois anos na alameda Oscar Niemeyer, figura entre os principais restaurantes japoneses da região metropolitana. Não somente pela qualidade dos sushis, mas pela gastronomia fusion, que utiliza ingredientes como foie gras e vieiras. A decoração aconchegante foge do clichê, com conceito moderno e cosmopolita, adequado para combinar com a variada carta de bebidas, como saquês e vinhos.

Empório Paraíso
Vindo do Mercado Central, o Empório Paraíso se instalou no Vila da Serra e conquistou o paladar dos moradores e trabalhadores. Além do cardápio de almoço e jantar, a casa vem se tornando ótimo destino para o happy hour, com carta de vinhos de aproximadamente mil rótulos e diversos produtos artesanais, como queijos importados e embutidos. Em geral, os pratos atendem de duas a três pessoas, e os preferidos do público são o queijo brie com geleia e a burrata com pesto.

Bruno SoaresCoal Bar-b-que Market
Recém-chegado no pedaço, o Coal Bar-b-que Market, no Jardim Canadá, busca inspiração em terras norte-americanas para mostrar uma nova forma de fazer o tão amado churrasco. Os métodos texanos e sulistas são os mais utilizados, em que cortes como briskets (peito de boi), pulled pork (sobrepaleta suína) e, ainda, costelas bovinas e suínas, ficam nas grelhas durante horas para chegarem ao ponto perfeito e serem servidos em formato de porções. Os acompanhamentos também têm pegada ao estilo estadunidense, a exemplo da salada de repolho coleslaw, dos milhos em espiga com manteiga e das batatas defumadas assadas.
diVino
Localizado no Vale do Sol, o diVino se destaca no circuito gastronômico desde 2001, quando foi inaugurado, com gastronomia contemporânea, influenciada pelas culinárias italiana e francesa, assinada pelo chef Tatá Carvalho, no comando da cozinha há um ano. O ambiente rústico é um dos diferenciais da casa, que conta, inclusive, com uma lareira, acesa nos dias mais frios. Entre os pratos mais especiais e queridos pela clientela, destaque para o o filé em crosta de parmesão e para o filé ao molho de vinho, finalizado com chocolate amargo em raspas, cereja e uvas-passas.

68 Pizzaria
Levando em seu nome a tradição de 11 anos e tendo fidelizado diversos clientes na matriz, em Lourdes, a 68 Pizzaria abriu segunda unidade há quatro anos no Vila da Serra. Embora tenha poucos lugares à mesa, o foco da casa é o delivery, com entregas em toda a região, incluindo os condomínios de casas e os bairros Belvedere, Santa Lúcia, Buritis e Estoril. Com mais de 60 sabores no cardápio, a La Premiata (molho de tomate, muçarela, brie e champignon trifolati) e a L’Americana (molho de tomate, muçarela, calabresa e cheddar) estão entre as campeãs de venda.

Bacco’s
Com a onda crescente de “masterchefs” amadores, o empório gourmet Bacco’s, na alameda Oscar Niemeyer, tem a proposta de oferecer produtos de primeira qualidade aos clientes, incluindo carnes nobres, cervejas especiais, vinhos, espumantes, queijos, defumados, massas e molhos artesanais, temperos e até charutos. No local também é possível usufruir de bons petiscos e beber espumantes, chopes e cervejas.

Bruges
Quando foi inaugurado há cinco anos, também no Vila da Serra, as cervejas eram o principal foco do Bruges, que, com o passar do tempo, se tornou ponto queridinho no horário de almoço de quem trabalha na região. No esquema de bufê a quilo, o restaurante inspirado na Bélgica se destaca por oferecer opções diferenciadas e mais elaboradas, mais comuns de serem encontradas em locais que trabalham o serviço à la carte. Nos fins de semana, o público familiar aproveita ainda para usufruir do espaço infantil, onde os pequenos podem se divertir com segurança.

DEBORAH GABRICHDuke N’Duke
Referência quando o assunto é hambúrgueres saborosos e de qualidade, o Duke’n’Duke, na alameda Oscar Niemeyer, vai além dos lanches. Antes que a tendência das cervejas artesanais conquistasse diversos amantes, eles já investiam em uma seleção bem apurada de rótulos e se destacam na produção de suas próprias bebidas, como a Duke Bitter Ale. Com ambiente intimista e ótima trilha sonora, típico dos bons gastropubs, o local oferece ótimas opções de entradas e sobremesas, a exemplo do Duke’s Hat-trick: casulos de massa folhada ao forno com creme de gorgonzola e crispies de bacon.

vila Monjardim
Segunda casa do Grupo Monjardim, instalada no Vila da Serra, a costelaria nasceu da necessidade de clientes e amigos dos sócios que moravam na região e que, na época da inauguração, em 2015, acreditavam haver poucas opções gastronômicas. Hoje, a casa se consolidou com um conceito diferenciado, sendo a única especializada em costelas do gado inglês Hereford, importadas diretamente de Montevidéu, que chegam à mesa em peças de 500 g ou 1 kg. Outra especialidade são os cortes premium, como o japonês Wagyu Kobe, tida como a carne mais saborosa do mundo, e Cuota 481, desenvolvidos para o exigente mercado europeu.

Mercado Grano
Um lugar para se surpreender e se deliciar: assim pode ser definido o Mercado Grano, no Jardim Canadá. Como o próprio nome adianta, é um mercado onde a culinária valoriza o autêntico, o original e os produtos da estação. O diferencial fica pela quantidade de “achados” da gastronomia, como o cardápio de cafés premiados e as releituras de receitas tradicionais. O estabelecimento recebe também diversos shows, exposições e cursos, além de ser espaço para demonstração de designers. vb




Comentários