Coluna

Coluna do PCO

Paulo Cesar de Oliveira
205 - 05/01/2018

FOTOS  T IÃO MOURÃOEconomia melhora para AA
A situação econômica do Brasil, queiram ou não os mais pessimistas, está tendo alguma melhora. Um exemplo é que a American Arlines acaba de voltar com seus voos diretos entre Rio e Dallas com três frequências semanais. Representada em Minas por Celso Pichioni, a AA tem tido lotação completa nos voos diretos de BH para Miami.

FOTOS  TIÃO MOURÃOTAP para Europa
Enquanto isto, Carlos Dias, que representa a TAP em Minas, tem tido alguma dificuldade em acomodar todos os que querem usar seu excelente voo direto de Belo Horizonte para Lisboa e conexões para toda Europa. A TAP, hoje, faz parte da Azul, de David Neeleman.

Anastasia pode ser vice
Causou a melhor repercussão a perspectiva de o senador Antonio Anastasia vir a ser o vice da chapa presidencial de Geraldo Alckmin pelo PDSB. Para isto, já existem partidos interessados para que Anastasia se filie, como é o caso do DEM. O exemplo que vem do STF. Se o orçamento do Supremo Tribunal Federal for cumprido na íntegra em 2018, a Suprema Corte terá custo diário de R$ 2 milhões. Dos R$ 714 milhões previstos, cerca de R$ 455,7 milhões são para pagamento de pessoal. Dos 11 ministros, sete recebem acima do teto de R$ 33,7 mil e embolsam R$ 37,4 mil.

Biocombustível
O ano de 2017 pode não ter sido bom para muitos setores, mas o sucroenergético comemora o uso do etanol hidratado, que ganhou competitividade em Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso. Mas o presidente da Siamig, Mário Campos, acredita que o impulso no setor virá com o RenovaBio, política que incentiva a produção e o uso do biocombustível.

Inferno astral
Triste constatarmos que o Brasil vive seu inferno astral. Os três poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário) conspiram para que tudo dê errado e perderam o respeito dos cidadãos de bem. Eles bloqueiam o desenvolvimento do país utilizando a lei para anular a eficácia dela própria. Com isso, eliminam as noções de “justo” e “injusto” e fazem interpretações variadas das leis, para legalizarem tudo aquilo que querem que seja legal. E a opinião pública que se dane. Nunca antes, na história deste país, tivemos os três poderes tão tacanhos, para não dizer outro adjetivo mais adequado às suas performances.


FOTOS  TIÃO MOURÃOProjeto inovador
A melhor palavra para definir o cenário político e econômico é desafio, segundo o presidente da Unimed-BH, Samuel Flam. Para escapar dos efeitos da crise, a instituição colocou a qualidade no centro da sua atuação. Essa diretriz trouxe resultados positivos e permitiu investimentos na ampliação dos serviços, com um projeto inovador.

FOTOS  TIÃO MOURÃOReforma da Previdência

Empresários iniciam 2018 temerosos com os rumos da reforma da Previdência. Para o presidente da Fiemg, Olavo Machado Jr., os parlamentares precisam entender que o sistema previdenciário é deficitário e inviável do ponto de vista financeiro e é um dos principais fatores de desequilíbrio nas contas públicas.

Eixos estratégicos

Apesar das dificuldades de caixa, o governador Fernando Pimentel tem perspectivas de melhoras já no início de 2018. A abertura de capital da Codemig, que pode ter até 49% das suas ações colocadas à venda, é um dos principais trunfos de Pimentel. A Codemig atua nos eixos estratégicos de mineração, indústria criativa e de alta tecnologia.

Componente emocional

O cardiologista Marcos Andrade, um dos mais conceituados do país, disse que vivemos uma época péssima para prevenir doenças. Segundo ele, embora as patologias tenham sintomas físicos, todas têm o componente emocional.




Comentários